Siga nas redes sociais

Search
Camilo Ramos, CEO do Grupo Piccin.

Após reposicionamento, Grupo Piccin quer faturar R$ 330 milhões até 2025

Após 58 anos de atuação no mercado do agronegócio, a Piccin Tecnologia Agrícola, com sede em São Carlos, passa agora a ser o Grupo Piccin, com três braços de atuação nas áreas de equipamentos, componentes e inovação.

O objetivo é promover a transformação digital da organização, que ano passado comercializou mais de 6 mil implementos, crescimento de 41%.

Isso proporcionará ainda mais tração para queo grupo tenha faturamento superior a R$ 330 milhões em 2025, um salto de 50%.

O primeiro passo para formar o grupo e toda essa evolução começou em março de 2020, quando o conselho de administração traçou um plano para o início da transformação digital da empresa.

Um novo time de gestão foi formado e a aplicação de estratégias e de tecnologias para resolver os desafios na produtividade, eficiência, comunicação, desenvolvimento de produtos e principalmente para fortalecer e evoluir relacionamento com os clientes.

“Essas mudanças permitiram que a Piccin adquirisse um grande fornecedor de peças, a Mancal Matão, e ao mesmo tempo, tivesse início uma série de ações para disseminação da cultura de inovação da empresa”, conta o CEO do Grupo Piccin, Camilo Ramos.

Hoje no grupo atuam 320 colaboradores e são mais de 1.200 revendas parceiras no Brasil e no exterior com o portfólio das marcas.

NOVIDADES

Com a criação do grupo, muitas novidades devem chegar ao mercado.

Na Piccin Equipamentos haverá em breve o lançamento de famílias de produtos no segmento de descompactação de solo, e uma outra linha de distribuidores de insumos e fertilizantes com alta tecnologia.

Já na Piccin inovação surge uma startup com o intuito de resolver uma grande dor em um mercado que não para de crescer, o de arrendamento de terras.

Para a Piccin Componentes, além do crescimento na ordem de 30% previsto, as novidades ficam por conta da expansão de mercado, atuando com a produção e comercialização de novos produtos,.

Compartilhe o conteúdo

Leia também

Empresa divulga nova marca e quer dobrar faturamento

Monica-Ferreira

Como driblar a escassez de mão de obra em TI?  

GrupoRV anuncia expansão para Portugal

Receba notícias no seu e-mail