Siga nas redes sociais

Search

Startup vai na contramão e aposta na contratação de corretores imobiliários

Foto: divulgação.
Foto: divulgação.

Uma prática comum no mercado imobiliário é contar com profissionais prestadores de serviço. Ou seja: a imobiliária dispõe de uma equipe de corretores sem vínculo empregatício, recebendo apenas as comissões de vendas. Porém, indo num sentido contrário, a proptech EmCasa, tem apostado na contratação CLT desses profissionais. Para entender o por quê dessa opção e quais as vantagens em seguir esse modelo, o Economia SP Drops conversou com o CEO e co-fundador da startup, Gustavo Vaz. Confira abaixo:

Que cenário os corretores de imóveis vivem atualmente? Quais foram as principais mudanças da profissão nos últimos anos?

Gustavo: O mercado imobiliário é um dos maiores setores econômicos do mundo, porém ainda bastante tradicional. Somente nos últimos anos o setor começou a viver uma transformação digital, impulsionada mais recentemente pelo surgimento das proptechs. Com isso, os corretores precisaram se familiarizar com novas tecnologias e conceitos de customer experience. Porém, no dia a dia, os corretores ainda enfrentam grandes obstáculos como a falta de acesso à ferramentas, informação e treinamentos. Além disso, o modelo de trabalho pouco mudou, com os corretores atuando de forma autônoma e ganhando apenas a comissão por cada imóvel vendido, o que gera bastante pressão, ansiedade, conflito de interesse e falta de segurança psicológica para o corretor. 

Qual o modelo de negócio da EmCasa? Como impacta na vida dos corretores? Qual o diferencial da empresa?

Gustavo: A compra da casa própria é a transação mais importante da vida das pessoas e a EmCasa nasceu para fazer essa experiência ser mais prática, transparente e segura. Acreditamos que para realmente transformar o mercado, precisávamos transformar o papel do corretor, mesmo que isso significasse construir quase tudo do zero. Por isso, criamos um modelo de negócio inovador que combina tecnologia proprietária e profissionais contratados via CLT e qualificados que prestam assessoria jurídica, imobiliária e financeira durante toda a jornada do cliente. Nosso diferencial é exatamente o atendimento completo e especializado, ajudando o cliente a encontrar o imóvel certo, conseguindo o crédito mais barato, e tendo toda a segurança da nossa assessoria jurídica.

Por que a EmCasa optou pela contratação CLT de especialistas? Quais são os principais benefícios para empresa e colaboradores?

Gustavo: Os especialistas imobiliários, como são chamados os corretores da EmCasa, recebem salário fixo e benefícios, o que aumenta a qualidade do time e sua segurança psicológica e financeira, já que deixam de depender apenas das comissões pontuais. Além disso, contam com intenso treinamento de mais de 100 horas e o apoio de sistemas de inteligência artificial, algoritmos, processos e cultura. Com esse modelo, a EmCasa gerou uma melhora significativa na experiência do cliente, se tornando a melhor opção para quem quer comprar um imóvel. Outro impacto relevante foi na eficiência do negócio, já que nossos especialistas chegam a vender 10 vezes mais imóveis por ano do que os corretores tradicionais.

A EmCasa busca atrair talentos de forma inclusiva. Como isso acontece na prática e por que essa visão de negócio?

Gustavo: A renovação do mercado imobiliário está diretamente ligada à melhor experiência dos clientes. Por isso, temos como objetivo atrair novos talentos e trazer mais inclusão ao setor que, tradicionalmente, é pouco diverso. Me orgulho em dizer que nosso time de Especialistas é formado por mais de 50% de mulheres. Além disso, buscamos atrair profissionais de outros mercados para a função de especialista, que contribuam com perfis e visões diferentes, por isso não exigimos experiência prévia no setor imobiliário.

Qual o balanço do ano passado e os próximos passos da empresa? 

Gustavo: O ano passado foi de muito trabalho e crescimento para a EmCasa. Recebemos um investimento de R$110 milhões em julho, expandimos para novas cidades, alcançamos mais de 300 colaboradores e ultrapassamos os 20 mil imóveis na plataforma. Estou muito orgulhoso da forma como enfrentamos os desafios da pandemia e crescemos de maneira sustentável, sempre mantendo nossa cultura e nossos valores no centro de tudo o que fazemos. Para este ano, a expectativa é que o valor de ativos transacionados por nós ultrapasse R$2 bilhões e a EmCasa chegue a dezenas de novas cidades, com o time crescendo significativamente e mantendo a alta confiança de nossos clientes.

Compartilhe

Leia também

Receba notícias no seu e-mail