Siga nas redes sociais

Foto: divulgação.

Empresa combate “analfabetismo profissional” ao oferecer programas de aprendizado em inglês técnico e profissional

Fundada em 2013 pelo colombiano Diego Villegas e o americano Kamran Khan, a Slang é uma edtech líder na capacitação do ensino de inglês profissional, com conteúdos técnicos voltados para empresas.

Por meio de tecnologia proprietária e modular em Machine Learning, a startup tem como missão combater o “analfabetismo profissional” disponibilizando planos de estudos hiperpersonalizados, dinâmicos e otimizados que são construídos de acordo com a necessidade de cada usuário, departamento e/ou instituição.

Nomeada como pioneira em tecnologia pelo Fórum Econômico Mundial em maio deste ano, aparece como a solução para uma necessidade urgente do mercado de trabalho: potencializar talentos a partir da proficiência no inglês técnico e profissional.

Ou seja, a plataforma disponibiliza conteúdos nichados de aprendizado da língua para tornar os profissionais fluentes na área em que atuam, ensinando o vocabulário específico para cada setor.

Dentre os cursos é possível encontrar conteúdos voltados para finanças, design, engenharia, mecânica e muitos outros.

O programa é uma solução para empresas que buscam investir na capacitação e no treinamento dos seus colaboradores e leva para os departamentos de RH uma ferramenta para a gestão de conhecimento altamente baseada em dados, além possibilitar a combinação de cursos para criar programas de aprendizagem personalizados para atender as necessidades de cada área, cargo ou função.

“Entendemos que o conhecimento de inglês exigido no mercado de trabalho é diferente daquilo que é ensinado na escola: em qualquer área, existem termos técnicos e específicos que dificultam a comunicação dos profissionais. Por isso, contamos com o que há de mais moderno para proporcionar uma experiência hiperpersonalizada para cada um dos nossos clientes, a fim de que todos, em qualquer área de atuação, tenha acesso ilimitado ao conhecimento e possam aprimorar suas habilidades através da fluência em inglês profissional”, afirma Diego Villegas, CEO da Slang.

Para garantir que a experiência seja ainda mais completa, a solução conta com live sessions que acontecem ao vivo com tutores, flexibilizando ainda mais o aprendizado de inglês.

“Temos um compromisso com os RHs de sermos parceiros assertivos no impacto de seu negócio através do desenvolvimento de equipes, tudo isso com foco na experiência do colaborador (HXM), que é uma preocupação recorrente de empresas em fase de crescimento e consolidação”, pontua.

Startup tem o Brasil como uma das prioridades na América Latina

Com escritórios nos EUA, Colômbia e México, chegou oficialmente ao Brasil em 2020 com o objetivo de combater os baixos índices de fluência na língua inglesa no país.

“O Brasil é um dos países com o mais baixo índice de pessoas fluentes em inglês, ficando em 60º lugar no ranking de proficiência. Além disso, muitos brasileiros têm interesse em aprender esta língua, de acordo com uma pesquisa da 7Waves, cerca de 40% dos brasileiros estabeleceram aprender inglês como meta no ano passado. Com esses fatos, enxergamos um mercado com grande potencial para a nossa solução, principalmente quando olhamos a Slang como um parceiro para empresas que buscam expansão investindo na capacitação e desenvolvimento dos seus talentos”, afirma o empresário.

A edtech, que recebeu no fim do ano passado um aporte de USD 14 milhões e tem investido em sua expansão de conteúdos e atuação, atualmente conta com o maior catálogo de cursos de inglês profissional do mercado, com mais de 200 cursos em diferentes indústrias, e já conta com mais de 40 mil licenças ativas na América Latina e EUA, atendendo clientes como Santander, Toshiba, Cornershop, Alvarez & Marsal, Cattalini, Transunion, Ipsos, Sankhya, Quero Delivery, Arteris, Silimed, entre outros.

Compartilhe o conteúdo

Leia também

Tecnologia como aliada para impulsionar o sucesso das PMEs

Dimensionamento de times de tecnologia

Vittude anuncia novo head de marketing

Receba notícias no seu e-mail