Siga nas redes sociais

Search
Foto: Cultura Creative/AdobeStock

5 inovações que estão revolucionando os meios de pagamento

Redação Economia SC

Redação Economia SC

Tudo sobre economia, negócios, inovação, carreiras e sustentabilidade em Santa Catarina.

Com o avanço constante da tecnologia, diversas inovações têm sido introduzidas nos meios de pagamento, trazendo praticidade, segurança e comodidade para os consumidores.

Algumas das principais inovações são: pagamentos por aproximação (contactless), payments via redes sociais, utilização de criptomoedas; carteiras digitais, pagamentos recorrentes, compras com um clique, pagamentos instantâneos (PIX), BNPL (Buy Now Pay Later), entre outros.  

De acordo com pesquisa da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL), os brasileiros ainda preferem pagar suas compras à vista com dinheiro, sendo o método mais utilizado por 71% dos entrevistados.

No entanto, o PIX, mesmo sendo o mais recente entre os meios de pagamento, já ocupa o segundo lugar na preferência dos consumidores, sendo utilizado por 70% deles.

Em terceiro lugar, temos o cartão de débito, escolha de 66% dos brasileiros para pagamentos à vista. Já o cartão de crédito, que gera fatura para o próximo mês, é o método preferido de 57% dos usuários.

Esses dados refletem as preferências dos consumidores brasileiros e mostram como os meios de pagamento estão se tornando cada vez mais diversificados e acessíveis.

O mercado de pagamentos está em constante evolução e, pensando nisso, separamos as mais recentes inovações que estão revolucionando a maneira como as pessoas pagam suas compras. Além disso, trouxemos a visão de especialistas do setor para comentar o futuro dessa indústria.

Buy now, pay later (BNPL)

BNPL é um método  de pagamento que permite que os consumidores façam compras e pague a prazo, sem a necessidade de um cartão de crédito. Ao contrário dos cartões de crédito tradicionais, em caso de atraso, algumas soluções não cobram juros.

Para os varejistas, é uma ótima oportunidade para aumentar as vendas e atrair mais  clientes, oferecendo uma forma de pagamento inclusiva que atende às necessidades de diferentes tipos de consumidores, incluindo, por exemplo, aqueles que não possuem acesso ao cartão de crédito, possuem limite baixo no cartão ou não desejam usá-los.

O BNPL também é benéfico para os clientes, por permitir que eles tenham uma relação financeira saudável e evitem a famosa bola de neve dos cartões de crédito. Além disso, no caso da solução de BNPL da Pagaleve, o PIX em 4 vezes sem juros, a aprovação da compra leva menos de 3 segundos.

Isso é possível devido ao motor de decisão bastante tecnológico que utiliza algoritmos de machine learning. Tudo isso contribui na oferta de uma jornada fluida, fácil e leve pro consumidor 

O BNPL é uma tendência global que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado brasileiro. Essa forma de pagamento é mais acessível e flexível para os consumidores, permitindo que eles parcelam suas compras sem a necessidade de um cartão de crédito, sem juros e sem burocracia. O sucesso desse modelo de pagamento depende da disseminação de informação sobre a inovação, além da oferta de formas de pagamento  mais inclusivas e democráticas para os consumidores“, destaca Eduardo Zucareli, CCO da Pagaleve.

Pagamento de tributos automotivos em aplicativos

Zul+, empresa do grupo Estapar, é um aplicativo que facilita a vida dos motoristas ao centralizar em um mesmo ambiente vários serviços relacionados a um veículo.

Pelo aplicativo, é possível, por exemplo, quitar multas, IPVA e licenciamento, com possibilidade de parcelamento de tributos acima de R$ 150 em 12 vezes no cartão de crédito e efetuar a compra e a ativação do estacionamento rotativo. Também é possível solicitar o CRLV do veículo e pagar o abastecimento via Shell Box. 

A solução oferece ainda tag de pedágio sem mensalidade e cálculo do valor a ser pago durante a viagem, cotação de seguros, informações do valor de mercado para compra ou venda de veículos, registro de manutenção e busca por concessionárias e estacionamentos, com a identificação dos eletropostos para recarga de automóveis elétricos.

Concentrar todas essas funções em um único aplicativo é vantajoso, pois otimiza muito o tempo do motorista, que encontra tudo o que precisa em um só lugar”, afirma André Brunetta, diretor de inovação e digital da Estapar. 

Carteiras digitais

A carteira digital é uma forma de pagamento que vem ganhando cada vez mais espaço no mercado financeiro.

Trata-se de uma tecnologia que permite a realização de transações financeiras de forma rápida, segura e conveniente, sem a necessidade de dinheiro em espécie ou de cartões de crédito físicos.

Ela funciona por meio de um aplicativo instalado no celular do usuário, que permite o armazenamento de dados de pagamento, como cartões de crédito, débito e até mesmo informações bancárias.

Com esses dados armazenados, é possível fazer compras online e em lojas físicas que aceitam pagamentos por meio da tecnologia NFC, que permite a comunicação entre dispositivos por meio de ondas de rádio.

Além disso, a carteira digital também permite a transferência de dinheiro entre usuários, sem a necessidade de intermediários, como bancos e instituições financeiras.

Essa modalidade de transferência é conhecida como peer-to-peer, ou simplesmente P2P, e pode ser feita de forma instantânea, sem custos e sem as burocracias que geralmente envolvem esse tipo de transação.

Para Alessandro Raposo, Head of Payments da Zoop, a importância da carteira digital para o mercado financeiro é evidente:

Com a popularização da tecnologia e o crescente uso de smartphones em todo o mundo, a carteira digital se tornou uma opção cada vez mais viável e conveniente para os consumidores, que buscam agilidade e segurança nas transações financeiras”.

Biometria como meio de pagamento já é realidade no varejo

Para atrair e fidelizar cada vez mais clientes no varejo físico, diversos negócios estão buscando transformar a experiência de compra de seus clientes.

A Payface, startup de reconhecimento facial para pagamentos, oferece uma facilidade no momento da compra, permitindo que o consumidor pague, utilizando somente o rosto.

A tecnologia da empresa oferece uma identificação muito mais rápida do que os processos tradicionais de pagamento.

Além disso, oferece mais segurança  e agilidade ao consumidor, já que dispensa o uso de cartões, documentos e digitação de dados, como o CPF para realizar a identificação no checkout.

De acordo com Eládio Isoppo, CEO da Payface, a experiência do cliente é o maior propósito da fintech, que busca otimizar os processos de identificação e pagamento:

É um procedimento super prático, pois o cadastro é feito uma única vez e, a partir disso, o consumidor pode efetuar compras em qualquer estabelecimento que aceite Payface, levando poucos segundos para fazer o pagamento”.

Orquestração de pagamentos

A Yuno é uma startup especializada em orquestração de pagamentos em grandes empresas. Por meio de uma única tela, o executivo consegue selecionar todos os métodos de pagamento no seu checkout com apenas um clique. 

Criada por Juan Pablo Ortega e Julián Núñez, respectivamente co-fundador e ex-executivo da Rappi, a empresa surge como uma solução a empresas de todos os portes na América Latina que têm enfrentado desafios constantes e altos custos operacionais para integrar múltiplos métodos de pagamento online com segurança e eficientes ferramentas de detecção de fraude.

Hoje, o mercado encontra-se muito fragmentado e as empresas têm sido obrigadas a adotar inúmeros provedores de pagamento devido à baixa aceitação, índices cada vez maiores de fraudes e baixas taxas de conversão. Além disso, o aumento de novos métodos alternativos de pagamento eletrônico agravou ainda mais o problema.

 A Yuno já atende grandes players do e-commerce na América Latina e levantou US$ 10 milhões em sua primeira rodada de investimentos no início do ano passado.

A startup tem como foco os mercados do Brasil, Colômbia e México. Seu time atualmente é formado por profissionais vindos de companhias como Rappi, Ingenico, Worldpay, McKinsey & Co. e MasterCard.

Eles devem fechar este ano com 100 clientes na América Latina, além de seguir crescendo e processar um volume de transações superior a 1 bilhão de dólares.

Uma das vantagens da orquestração de pagamentos é a otimização de tempo da equipe, pois toda a parte relacionada a métodos de pagamento passa a ser de responsabilidade da plataforma de orquestração, possibilitando maior atenção ao core business. Além disso, essas soluções trabalham junto com as principais soluções antifraude do mercado, o que reduz as chances de cancelamento por conta de operações fraudulentas”, finaliza Vasco Pineda, launcher da Yuno.

Compartilhe o conteúdo

Leia também

Hub InovAtiva apoia 118 empreendedores com mais um ciclo de aceleração

Fundadora do Economia SP recebe prêmio em São Paulo

Arquivei anuncia Thiago Dantas como novo head de geração de demanda e growth

Receba notícias no seu e-mail