A peça-chave da transformação digital

A transformação digital, apesar de ser um tema muito discutido no meio empresarial nos últimos anos, precisa ser acompanhada de algumas reflexões sobre os aspectos que influenciam a obtenção de resultados positivos.

É valioso partir do princípio de que ao implementar uma solução tecnológica com o objetivo de levar inovação à empresa, ela deverá promover o protagonismo humano e abrir portas para uma nova mentalidade sobre as atividades desenvolvidas.

O que impulsiona a transformação digital é, frequentemente, a simplificação de rotinas operacionais, para tanto, a remoção de entraves e empecilhos que surgem ao longo do caminho deve ser a prioridade das lideranças para um processo bem sucedido.

É preciso refletir sobre quanto da transformação digital depende da transformação pessoal dos envolvidos, considerando que o sentimento de insegurança costuma ser recorrente nestas iniciativas.

Não há caminho único para o êxito nas mudanças, entretanto a participação de parceiros externos costuma ajudar, pois eles trazem na bagagem experiências em projetos anteriores, sejam eles bem sucedidos ou não, potencializando as possibilidades de sucesso.

Integração é a peça-chave na adaptação

É difícil imaginar atualmente uma companhia que tenha pouco ou quase nenhum contato com o universo digital, mas é importante manter um olhar contínuo nas novas tendências, pois normalmente a velocidade de desenvolvimento tecnológico no mercado é muito superior à velocidade de absorção das empresas.

Para facilitar essa atividade, é preciso construir modelos de incentivos em todos os departamentos da empresa para que os profissionais passem a atuar como transformadores organizacionais, rastreando diariamente melhorias operacionais.

Em outra perspectiva, alguns erros devem ser evitados, como a entrada acelerada à automatização por meio da implementação forçada de novas tecnologias. Por mais atrativas que essas movimentações pareçam à primeira vista, os departamentos envolvidos podem não absorver a inovação da forma desejada e as tentativas podem, sobretudo, gerar nos times um sentimento de frustração e aversão a novos projetos.

As empresas, portanto, devem atuar em médio e longo prazo para criar um ambiente favorável à transformação contínua, evoluindo digitalmente de forma integrada. O dilema sobre a forma de implementação não pode comprometer a chegada de promissoras tecnologias.

você pode gostar também
Comentários
Carregando...

Este site utiliza cookies para melhorar sua experiência, mas você pode optar por não permitir, se desejar. Entendi Saiba mais